sexta-feira, 23 de julho de 2010

Nada como um dia após o outro.

,
- Amiga! Happy Birthday! - sorrisos abafados no telefone.
- Obrigada Lia, o que iremos fazer hoje?
- Você vai gostar, vou passar na tua casa hoje e nós iremos ter um dia maravilhoso!
- Uau! Estarei pronta dentro de meia hora esta bem? Qual roupa devo colocar?
- Jeans e uma camiseta, coloque casaco está um pouco frio hoje.

Luana já estava pronta, mas sua amiga ainda não havia chegado. Resolveu escrever algo em seu diário, ainda meio incerta do que escrever, folheou e encontrou uma outra foto de André - na foto, ele tocava violão e cantava. Ela arranjou logo vários motivos para escrever em seu diário.
  '' Hoje, meu aniversário, tem que ser um dia feliz, mas você está por toda parte. Você está em cada partícula do ar em que eu respiro, eu olho para as fotos e vejo o quanto eu era feliz com você ao meu lado. André, é evidente que eu preciso de você, mas eu preciso não de uma forma possessiva, mas eu preciso de você de uma forma essencial. Eu ainda amo você, mas o Pedro tem sido um excelente companheiro, eu sei que não o amo porém toda vez que penso em ter alguém eu penso nele, eu quero posse. Preciso esquecer da minha indecisão, afinal vocês dois nem de longe merecem meu afeto no momento. Hoje TEM que ser um dia especial. ''
 Assim que Luana termina de escrever, sua amiga aparece com um carro novo na porta de sua casa, com uma laço rosa enorme no capuz. Ela olha aquilo pela janela e estranha, já tentando adivinhar o que é que Lia havia aprontado. Luana abre bruscamente a porta e em meio a sorrisos e a um rosto curioso, diz:
- Mais que loucura é essa Lia?
- Por essa você não esperava, não é mesmo?
- É claro que não! Onde é que você pegou isso?
- Nem fique muito animada, o carro não é meu e muito menos seu. É de um amigo meu que não esta no Canadá e disse que confiava em mim para ficar com essa belezinha aqui. - Lia deu algumas batidinhas na lateral do carro.
- Coitado, espero que ele tenha outro carro.
- Entre logo Lú, um dia longo e louco nos espera.
- Eu juro que estou com medo.

  Lia conseguiu distrair Luana de seu mundo nostálgico por algumas horas e então percebeu que sua amiga não estava tão feliz quanto deveria.
- Desenrola...
- O que?
- O que é que você tem? Nenhuma mulher ficaria com esse rostinho triste com roupas novas no porta mala e indo a um Spar. - Luana soltou um sorriso por descobrir a próxima programação que Lia havia planejado.
- É o André? Você sente falta dele?
- Não quero falar sobre isso tudo bem? Não hoje.



1 comentários:

  • 23 de julho de 2010 11:20
    Julia Melo says:

    tá ficando bom hein *o*
    vou sim, é claro. :*

Postar um comentário

 

Adube sua vida. Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger Templates